"Quando falamos em gestão contábil e fiscal, o controle, a expertise e compliance é tudo."
Rua Voluntários da Pátria, 475 - 11º Andar - Cj 1105-A, Centro - Curitiba/PR
  • (41) 3665-7770
  • (41) 99965-7770

Comando nacional indica fim da greve dos funcionários do INSS

Paralisação parcial das agências em vários estados do país durou um mês.

Fonte: G1Tags: inss

O comando nacional da greve dos trabalhadores do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) recomendou aos sindicatos regionais o fim da greve da categoria, que durou um mês. Em assembleias, trabalhadores de vários estados já acataram o indicativo nacional, segundo sindicalistas.

"O comando nacional indicou o fim da greve. Entre amanhã (sexta-feira, 17) e segunda-feira (20) o atendimento deve voltar em todo o INSS. Está tendo assembleias e (os trabalhadores) estão deliberando pelo indicativo", afirmou José Campos Ferreira, diretor da Fenasps, federação que reúne trabalhadores das áreas de saúde, trabalho e previdência social.

Nos estados

De acordo com um relatório divulgado no site da Fenasps, os trabalhadores já voltaram ao trabalho ou decidiriam fazê-lo ainda nesta quinta-feira. A exceção é o Piauí, que marcou assembleia sobre a volta ao trabalho para segunda-feira (20). Em estados como Maranhão, Alagoas, Sergipe, Mato Grosso e Goiás não houve paralisação.

Segundo Maria Helena da Silva, líder do comando de greve e Minas Gerais, os grevistas recorreram a parlamentares ligados ao governo para negociar as reivindicações que causaram a paralisação, como a definição de um plano de carreira para os funcionários do INSS, com o Ministério da Previdência.

Os trabalhadores afirmam que continuam "em estado de greve", com realização de uma nova plenária nacional da categoria no dia 1º de agosto.